Morgado de Fafe

O Morgado de Fafe, personagem literária consagrada na obra camiliana, demanda uma consciência crítica contra uma visão de sociedade enfeudada em artificialismos. A figura do rústico morgado minhoto marcada pela dignidade, honestidade, simplicidade e capacidade de trabalho, assume uma contemporaneidade premente, nesse sentido este espaço na blogosfera pretende ser uma plataforma de promoção de valores, de conhecimento e de divulgação dos trabalhos, actividades e percurso do escritor e historiador Daniel Bastos.

domingo, 21 de junho de 2015

Daniel Bastos apresentou “Terra” em Lisboa



No passado sábado (20 de junho), o escritor Daniel Bastos apresentou na Livraria Ferin em Lisboa, o seu último livro de poesia “Terra”.


A obra com chancela da Editora Converso, uma edição bilingue em Português e Francês, que conta com ilustrações do artista plástico Orlando Pompeu, cuja obra consta de variadas coleções particulares e oficiais em Portugal, Espanha, França, Alemanha, Inglaterra, Brasil, Estados Unidos, Japão e Dubai, e prefácio do fotógrafo, poeta e pintor francês Gérald Bloncourt, foi apresentada por Maria Graça Melo, Diretora da Associação Portuguesa de Poetas.








No decurso da sessão cultural na Livraria Ferin, uma casa livreira no Chiado que existe desde 1840 e é a segunda mais antiga da capital portuguesa, a poetisa Maria Graça Melo assegurou aos presentes que “estamos, pois, perante uma obra bela, cuja leitura nos deixa libertos das amarradas da realidade em sonhos de poeta, respeitando as raízes à Terra onde vivemos”.





Por seu lado, o escritor natural do concelho de Fafe, que enalteceu a presença de vários amigos e conterrâneos na sessão de apresentação, revelou que esta sua estreia no campo da poesia “brotou da sua visão romântica da vida, uma visão, e uma forma de ser e de estar que é alicerçada nos valores fundamentais da vida, do amor e da cultura”.
Refira-se que esta sessão cultural na Livraria Ferin incluiu uma prova de vinho verde, promovida pelos Vinhos Norte, um dos maiores produtores nacionais de vinho verde que procura aliar a tradição de fazer vinho com a inovação no sector.

sexta-feira, 12 de junho de 2015

Escritor Daniel Bastos apresenta “Terra” em Lisboa



No próximo dia 20 de junho (sábado), o escritor Daniel Bastos apresenta às 16h00, na Livraria Ferin em Lisboa (Rua Nova do Almada 70-74  / Chiado), o seu último livro de poesia “Terra”.
 
Daniel Bastos

A apresentação da obra, uma edição bilingue em Português e Francês, que conta com ilustrações do artista plástico Orlando Pompeu, cuja obra consta de variadas coleções particulares e oficiais em Portugal, Espanha, França, Alemanha, Inglaterra, Brasil, Estados Unidos, Japão e Dubai, e prefácio do fotógrafo, poeta e pintor francês Gérald Bloncourt, será apresentada por Maria Melo, Diretora da Associação Portuguesa de Poetas.
 
Convite

Os poemas do escritor e historiador natural de Fafe são marcados por um sentimento telúrico que se revela no apego à terra e na busca do sentido para a vida. Segundo Gérald Bloncourt, recentemente condecorado cavaleiro da Ordem Nacional da Legião de Honra francesa, o livro de estreia do autor minhoto no campo da poesia, perscruta as profundezas da humanidade e os desenhos de Orlando Pompeu, concebidos a partir dos poemas, criam uma simbiose entre a linguagem artística da poesia e pintura.

Refira-se que esta sessão cultural na Livraria Ferin, uma casa livreira de excelência com alma lisboeta, surge depois um conjunto de apresentações oficiais do livro no espaço francófono europeu, designadamente em Paris, Bruxelas e Genebra, e que a mesma incluirá uma prova de vinho verde, promovida pelos Vinhos Norte, um dos maiores produtores nacionais de vinho verde.