Morgado de Fafe

O Morgado de Fafe, personagem literária consagrada na obra camiliana, demanda uma consciência crítica contra uma visão de sociedade enfeudada em artificialismos. A figura do rústico morgado minhoto marcada pela dignidade, honestidade, simplicidade e capacidade de trabalho, assume uma contemporaneidade premente, nesse sentido este espaço na blogosfera pretende ser uma plataforma de promoção de valores, de conhecimento e de divulgação dos trabalhos, actividades e percurso do escritor e historiador Daniel Bastos.

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Arciprestado de Fafe promoveu 34.º Encontro Anual dos Grupos Corais Litúrgicos


Realizou-se no fim-de-semana de 12 e 13 de Julho, na Igreja Nova de São José, o 34.º Encontro dos Grupos Corais Litúrgicos organizado pelo Arciprestado de Fafe, no âmbito das festividades em honra de Nossa Senhora de Antime.
 
A iniciativa, que atraiu profusamente os fiéis da comunidade local, contou com a participação de doze Grupos Corais das Paróquias de Fafe, designadamente, o Grupo Coral de Antime, o Grupo Coral de Armil, o Grupo Coral “Amiguinhos de Jesus” (Arões S. Cristina), o Grupo Coral Juvenil “Criar Asas” (Santa Eulália de Fafe), o Grupo Coral de Cepães, o Grupo Coral, Cultural e Recreativo de Medelo, o Grupo Coral “Nossa Senhora das Graças” (Travassós), o Grupo Coral da Igreja do Sagrado Coração de Jesus (Paróquia de Fafe), o Grupo Coral de Fornelos, o Grupo Coral de Quinchães, o Grupo Coral de S. Gens, e o Grupo Coral “Santa Eulália” (Paróquia de Fafe), que abrilhantaram a tradição musical da Igreja enquanto meio e instrumento de louvor divino.

 
 
Refira-se que o Encontro dos Grupos Corais Litúrgicos organizado pelo Arciprestado de Fafe foi instituído em 1979 pelo saudoso cónego Leite de Araujo, que nesse ano levou a efeito o primeiro Encontro de Grupos Corais. Tendo logo ficado estabelecido que tal encontro seria para continuar todos os anos, devendo ter lugar nos dois dias (sexta-feira e sábado) que antecedem a Festa da Senhora de Antime.

A iniciativa, em honra de Nossa Senhora de Antime, assume-se igualmente como uma perene homenagem ao cónego Leite de Araujo, uma figura incontornável no desenvolvimento social e religioso da comunidade fafense.

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Santa Casa da Misericórdia de Fafe organizou Festa de Final de Ano Letivo


Decorreu na passada noite de 5 de Julho (sexta-feira), no Pavilhão Multiusos, a Festa de Final de Ano Letivo 2012/2013 organizada pelo Sector Educativo da Santa Casa da Misericórdia de Fafe.
Como nos anos anteriores, o Pavilhão Multiusos de Fafe encheu-se de pais, familiares e amigos, que assistiram a um programa artístico diversificado interpretado por 350 crianças e jovens cujo percurso educativo passa pela Creche, Pré-Escola, CATL, Salão de Estudo e Sala de Música da Santa Casa da Misericórdia de Fafe.

Tendo como principal objetivo assinalar o fim do ano letivo 2012/2013, a festa educativa marcada pela animação, colorido e energia dos jovens artistas, envolveu toda a comunidade educativa da Misericórdia de Fafe, alunos, professores, auxiliares e responsáveis da instituição social, assim como dos encarregados de educação que tomaram contacto direto com as aprendizagens realizadas pelos seus educandos ao longo do findo ano letivo.

 
Atualmente uma das maiores instituições sociais do Norte do país, com centenas de utentes, de vários escalões etários, e mais de 200 funcionários, a Santa Casa da Misericórdia de Fafe, no âmbito do cumprimento da sua missão, tem promovido ao longo dos anos um projeto educativo assente na promoção de uma boa relação pedagógica com a criança, a sua família e a comunidade.

 

quarta-feira, 3 de julho de 2013

Santa Casa da Misericórdia de Fafe festejou Santos Populares


A Santa Casa da Misericórdia de Fafe, atualmente uma das maiores instituições sociais do Norte do país, com centenas de utentes, de vários escalões etários, e mais de 200 funcionários, festejou ao longo do passado mês de Junho as tradicionais Festas Populares.
Assumindo-se ao longo dos últimos anos como uma das principais iniciativas organizadas pela instituição, que atribui grande importância à comemoração dos Santos Populares, como forma de proporcionar agradáveis horas de convívio e de intercâmbio entre os utentes das diversas valências, sendo também uma forma de manter a tradição tão cara aos utentes mais idosos, os festejos estenderam-se aos vários Lares da Misericórdia de Fafe.



Assim, no Lar - Sede Cónego Leite de Araújo (Fafe) realizaram-se os festejos de Anto António, no Lar D. Joaquina Leite Lage (Cepães) celebrou-se o São João, e no Lar D. Alzira Oliveira Sampaio (Quinchães) comemorou-se o São Pedro, festividade que foi animada com a presença dos Água Viva.

A alegria e música caracterizaram os vários festejos dos Santos Populares vivenciados pela família da Santa Casa da Misericórdia de Fafe, proporcionando assim a utentes, responsáveis, amigos e funcionários desta instituição social de referência no distrito de Braga, prazenteiros momentos de animação e convívio.

 
Correio do Minho (2013-07-09)


 

 

Rotary Club de Fafe cumpriu transmissão de tarefas


O Rotary Club de Fafe procedeu na passada terça-feira à noite (2 de Julho), à cerimónia de transmissão de tarefas para o ano rotário 2013/2014.

A cerimónia, que decorreu no Restaurante Pinto da Costa, e que juntou a família rotária local e distrital, contou com a presença de Ernesto Rodrigues, assistente da Governadora do Distrito de 1970, Teresinha Fraga, e do vereador da Cultura, Pompeu Martins, em representação da Câmara Municipal de Fafe.
Seguindo a linha de alternância habitual da estrutura, o empresário Orlando Leite sucedeu ao padre José Peixoto Lopes na presidência do clube rotário, enquanto nos grupos de jovens patrocinados pelo Rotary Club de Fafe, Mariana Pinto assumiu o Interact, estando prevista proximamente a transmissão de tarefas no Rotaract.
 
Com um programa de que fez parte um momento de protocolo, a saudação às bandeiras, a entrega de diplomas de assiduidade e a entrega de diplomas de 100%, a sessão foi marcada pela admissão de um novo companheiro rotário, designadamente do historiador Daniel Bastos, professor da Universidade Sénior do Rotary Clube de Fafe, que foi apadrinhado pelo presidente cessante, Pe. José Peixoto Lopes. 
Durante a cerimónia, foi ainda entregue à Associação Cultural e de Solidariedade Social de Regadas a receita do V Sarau Solidário do Rotary Clube de Fafe, cuja verba é mais um importante contributo para a construção der um Lar de Idosos nesta freguesia situada na zona sul do concelho de Fafe.

A cerimónia computou igualmente a entrega de um título Paul Harris, às rotárias Deolinda e Fátima Nogueira, em homenagem póstuma ao seu pai, o falecido rotário Luis Nogueira, que assim contribuíram generosamente para programas humanitários da Fundação Rotária.
 
No decurso das intervenções protocolares, foram evocados pelas entidades convidadas, e pelos responsáveis rotários cessantes e empossados, o espirito rotário de serviço à comunidade. Patente ao longo de mais de três décadas em Fafe, entre outros, na dinamização da Universidade Sénior, na promoção de Saraus Solidários, no reconhecimento dos melhores alunos do concelho, e na realização do festival “Rock with Benefits”, um conceito criado em 2011 pelo Rotaract, em conjunto com o Interact ao qual se associaram o Rotary e Município, com o objetivo de angariar fundos e alimentos para agregados familiares carenciados do concelho de Fafe.

FOTOGRAFIAS: © Foto Rodrigo