Morgado de Fafe

O Morgado de Fafe, personagem literária consagrada na obra camiliana, demanda uma consciência crítica contra uma visão de sociedade enfeudada em artificialismos. A figura do rústico morgado minhoto marcada pela dignidade, honestidade, simplicidade e capacidade de trabalho, assume uma contemporaneidade premente, nesse sentido este espaço na blogosfera pretende ser uma plataforma de promoção de valores, de conhecimento e de divulgação dos trabalhos, actividades e percurso do escritor e historiador Daniel Bastos.

terça-feira, 26 de abril de 2011

Prémio Literário A. Lopes de Oliveira/Câmara Municipal de Fafe – Estudos Histórico-Sociais de Âmbito Local ou Regional

Obrigado a todos os meus amigos, colegas e conterrâneos que constantemente me estimulam e motivam para a análise objectiva e pesquisa dedicada da História de Fafe. Aproveito o ensejo para convosco partilhar a alegria e o reconhecimento de ter sido um dos vencedores do Prémio Literário A. Lopes de Oliveira/Câmara Municipal de Fafe – Estudos Histórico-Sociais de Âmbito Local ou Regional, cuja entrega decorreu na sessão solene comemorativa do 25 de Abril no Salão Nobre do Município de Fafe.
Mesa de honra da sessão solene evocativa do 25 de Abril

Sessão solene evocativa do 25 de Abril

Entrega do Prémio Literário A. Lopes de  Oliveira

FOTOS: Manuel Meira

Sem comentários: