Morgado de Fafe

O Morgado de Fafe, personagem literária consagrada na obra camiliana, demanda uma atitude proativa perante o mundo. A figura do rústico morgado minhoto marcada pela dignidade, honestidade, simplicidade e capacidade de trabalho, assume uma contemporaneidade premente. Nesse sentido este espaço na blogosfera pretende ser uma plataforma de promoção de valores, de conhecimento e de divulgação dos trabalhos, actividades e percurso do escritor, historiador, professor e político minhoto, natural de Fafe, Daniel Bastos.

sexta-feira, 6 de julho de 2018

Toronto acolhe exposição de pintura de Orlando Pompeu


No âmbito do programa das comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas no Canadá, o mestre-pintor Orlando Pompeu inaugurou na passada quinta-feira (5 de julho) na Peach Gallery em Toronto, a exposição de pintura Con-Textos de Criatividade”.
 
A curadoria da exposição, composta por quarenta aguarelas sobre papel que foram todas vendidas durante a iniciativa cultural aberta à comunidade luso-canadiana, esteve a cargo do historiador e escritor Daniel Bastos, que tem divulgado os trabalhos do artista plástico junto das Comunidades Portuguesas.
 
LEGENDA – O curador da exposição Daniel Bastos (esq.) acompanhado do comendador Manuel da Costa proprietário da Peach Gallery

A convite da Peach Gallery, uma das mais recentes e vibrantes galerias de arte em Toronto, Daniel Bastos, que se encontra na maior cidade do Canadá a apresentar o seu último livro “Terras de Monte Longo”, justificou a ausência do artista na exposição por motivos de saúde, assegurando que as obras expostas refletem um estilo pictórico singular, heterogéneo, criativo e contemporâneo que concorrem para que Orlando Pompeu seja um dos mais conceituados pintores portugueses da atualidade.



















No decurso da iniciativa cultural, que contou com a presença de vários elementos da comunidade luso-canadiana, o comendador Manuel da Costa, um dos mais ativos e beneméritos empresários portugueses em Toronto, e proprietário da Peach Gallery, mostrou-se muito satisfeito por receber a exposição de Orlando Pompeu, que ficará patente à comunidade luso-canadiana durante todo o mês de julho. Para Manuel da Costa, a arte é um elemento cultural importante na formação dos cidadãos e por conseguinte na valorização cultural da comunidade luso-canadiana em Toronto. 























Orlando Pompeu nasceu a 24 de maio de 1956, em Cepães - Fafe / Portugal. Estudou desenho, pintura e escultura em Barcelona, Porto e Paris. Nos anos 90 progrediu no seu percurso artístico ao ir viver para os Estados Unidos da América, primeiramente, e depois, Japão. A sua obra consta de variadas coleções particulares e oficiais em Portugal, Espanha, França, Inglaterra, Alemanha, Itália, Croácia, Áustria, Brasil, México, Dubai, Canadá, Estados Unidos da América e Japão.

Créditos Fotográficos – Jorge Ribeiro


Sem comentários: