Morgado de Fafe

O Morgado de Fafe, personagem literária consagrada na obra camiliana, demanda uma consciência crítica contra uma visão de sociedade enfeudada em artificialismos. A figura do rústico morgado minhoto marcada pela dignidade, honestidade, simplicidade e capacidade de trabalho, assume uma contemporaneidade premente, nesse sentido este espaço na blogosfera pretende ser uma plataforma de promoção de valores, de conhecimento e de divulgação dos trabalhos, actividades e percurso do escritor e historiador Daniel Bastos.

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Instituto de Estudos Superiores de Fafe deu as boas vindas aos novos alunos



No passado dia 3 de Outubro, o Instituto de Estudos Superiores de Fafe – IESF, um projecto de Ensino Superior com origem em Fafe, no Norte de Portugal, estruturado a partir da proximidade ao meio e do ideal de serviço à região, mas com uma vocação universalista de procura e partilha de conhecimento, foi palco durante a tarde de uma sessão de boas-vindas aos novos estudantes.



Organizada pela Associação Académica, a sessão de boas vindas teve como principal finalidade receber e integrar os estudantes que em 2012/2013 chegam pela primeira vez à Instituição de Ensino Superior, em particular mais de uma dezena de alunos estrangeiros que no âmbito do Programa Erasmus escolheram o Instituto de Estudos Superiores de Fafe para prosseguirem os seus estudos.

Neste primeiro contacto com o Instituto, os estudantes foram presenteados com informações sobre o funcionamento do IESF, da cidade de Fafe e dos diferentes serviços de que vão poder usufruir durante o seu percurso académico.

No início da sessão de acolhimento, Christian Couto, em representação dos alunos do Instituto de Estudos Superiores de Fafe, deu as boas vindas aos novos colegas, apontando que ao longo deste ano, a Associação pretende defender os interesses deste Instituto, cumprindo assim os seus principais objectivos, representar os estudantes do IESF e defender os seus interesses, promover a formação cultural dos estudantes, e contribuir para o fortalecimento de actividades que incentivem as relações humanas e comunitárias.

Presente na iniciativa, o historiador Daniel Bastos, em representação da Câmara Municipal de Fafe, que acentuou a mais valia que representa a capacidade qualificadora do IESF no concelho e na região, incentivou a comunidade académica a uma maior interacção e envolvência na sociedade local. Assegurando a disponibilidade do Município para continuar a colaborar com a Associação de Estudantes e a Direcção do IESF através, entre outros, da utilização dos recursos documentais da Biblioteca Municipal, da utilização das instalações desportivas municipais e do fomento de estágios curriculares.

A sessão foi encerrada por Dulce Noronha, presidente do Instituto de Estudos Superiores de Fafe, que no seu discurso de boas vindas aos alunos que vão iniciar o primeiro ano nesta instituição, realçou que o IESF proporciona aos seus alunos as competências necessárias às suas actividades profissionais futuras assim como nas áreas das relações humanas, pensamento critico e criatividade.

Sem comentários: