Morgado de Fafe

O Morgado de Fafe, personagem literária consagrada na obra camiliana, demanda uma consciência crítica contra uma visão de sociedade enfeudada em artificialismos. A figura do rústico morgado minhoto marcada pela dignidade, honestidade, simplicidade e capacidade de trabalho, assume uma contemporaneidade premente, nesse sentido este espaço na blogosfera pretende ser uma plataforma de promoção de valores, de conhecimento e de divulgação dos trabalhos, actividades e percurso do escritor e historiador Daniel Bastos.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Juventude da Cruz Vermelha de Fafe: uma geração jovem solidária

Numa época marcada pelo discurso e estatísticas sobre o alheamento dos jovens face à sociedade em que estão inseridos, e cujo comportamento parece revelar uma atitude imobilista e de costas voltadas para os problemas e desafios da comunidade, a Juventude da Cruz Vermelha de Fafe assume-se no contexto local, distrital e nacional como um paradigma de excelência ao nível da participação dos jovens em grupos cívicos e sociais que contraria o discurso instituído.
A Juventude Cruz Vermelha de Fafe, elo jovem do movimento da Cruz Vermelha Portuguesa, composto por crianças e jovens entre os 8 e os 35 anos, prossegue um ideário assente no respeito pelo ser humano, pelo entendimento mútuo, pela amizade, pela cooperação e solidariedade. 

Actividades diversas da JCV-Fafe

Trata-se de uma verdadeira escola de cidadania e valores, de uma geração dinâmica e empreendedora, que envolvendo crianças e jovens locais, tem de forma altruísta dinamizado inúmeras actividades que vão ao encontro das necessidades reais da juventude, assumindo-se como um complemento importante na educação não formal, uma ocupação útil, saudável e solidária dos jovens
Saliente-se, por exemplo, porque são inúmeras as campanhas, acções de sensibilização e projectos promovidos por este grupo, o projecto “Colorir o Sábado”, um projecto de acção comunitária proactiva dinamizado no Bairro da Cumieira, que promove a inclusão social de crianças de agregados familiares com baixo rendimento económico, mediante o desenvolvimento de competências com a ocupação de tempos livres.

Sem comentários: